Votos do utilizador: 0 / 5

Estrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativa
 

Consultora procura recém-formados em várias áreas de formação. Os jovens selecionados serão integrados na equipa em setembro.au travail 31

A KMPG arrancou com uma campanha de recrutamento de novos talentos. Tem 200 vagas por preencher em diversas áreas de atividade e formação. Sob o mote What’s your Thing a consultora está à procura de finalistas e recém-licenciados nas áreas de Economia, Gestão, Contabilidade, Finanças, Matemática e Direito, bem como engenharia de telecomunicações e de informática, assim como licenciaturas em Informática e Gestão, entre outras.

Saiba como se candidatar aqui.

“Procuramos finalistas com bom desempenho académico, bons conhecimentos em língua inglesa, gosto pelo trabalho em equipa, disponibilidade para viajar e motivação para desenvolver carreira numa organização que aposta no desenvolvimento e formação contínua”, informa a consultora no anúncio de emprego no seu site.

Requisitos
- Junior Auditors

Recém-graduados ou finalistas de cursos de Contabilidade, Gestão, Economia, Finanças e áreas associadas.

- Junior Tax Advisors

Recém-graduados e finalistas em Direito, Gestão, Fiscalidade e áreas associadas.

- Junior IT Advisors

Recém-graduados e finalistas em Eng. Telecomunicações, Eng. Informática, Informática e Gestão, Matemática, ou áreas associadas.

- Junior Management & Finance Advisors

Recém-licenciados e finalistas em Finanças, Gestão, Economia, ou áreas associadas.

“Está implícito no nosso posicionamento e processo de recrutamento que apenas recrutamos jovens de reconhecido mérito académico e extracurricular. Mais do que reforçar essa mensagem, queremos que os jovens saibam que procuramos pessoas completas, apaixonadas pelas suas carreiras, mas que queiram também dar continuidade às suas vidas para além do trabalho”, diz José Portugal, partner e head of HR da KPMG, em nota enviada às redações.

A multinacional KPMG opera em 155 países, e tem mais de 162 mil profissionais, a prestar serviços de auditoria, fiscalidade e consultoria. Em Portugal tem escritórios em Lisboa e Porto, com mais de mil colaboradores. Presta serviços em Angola, onde tem mais de 100 profissionais, apoiados pela rede internacional, em particular a partir da estrutura em Portugal.

A integração na KPMG será em setembro, data em que os candidatos selecionados iniciam o período de formação antes de serem integrados nas equipas.

Fonte: Dinheiro Vivo