Votos do utilizador: 0 / 5

Estrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativa
 

A WestJet tem mais de 140 aeronaves. No ano passado, companhia canadiana realizou mais de 200 mil voos, transportando mais de 20 milhões de bp 310304402 W300passageiros.

A companhia aérea canadiana WestJet está a contratar assistentes de bordo que falem o português como segunda língua.

"O português é uma das nove línguas que esperamos contratar para as nossas aeronaves, na sequência da renovação da nossa frota. Alguns desses países podem no futuro serem servidos pela companhia", disse à agência Lusa Robert Palmer, director de comunicação da operadora.

Além de assistentes de bordo que tenham como segunda língua o português, a companhia, com sede em Calgary, na província de Alberta, está à procura de candidatos que também falem francês, espanhol, alemão, italiano, holandês, cantonês, mandarim e japonês.

O responsável reconhece que alguns desses países podem no futuro virem a ser servidos pela WestJet, daí que faça sentido "iniciar-se proactivamente" a procura de assistentes de bordo, pilotos, e outros membros da tripulação, que possam falar uma dessas línguas.

A WestJet tem mais de 140 aeronaves, adquiriu recentemente quatro Boeing´s 767-300, estando três deles em serviço, com outro a entrar em funcionamento em Maio, o que lhe dá "a capacidade de chegar a outros destinos globais", estando sempre a analisar "novas oportunidades" para os clientes.

Em 2015 a companhia aérea canadiana realizou mais de 200 mil voos, transportando mais de 20 milhões de passageiros, em mais de 100 destinos no Canadá, Estados Unidos, México, América Central, Caraíbas e Europa (Escócia, Inglaterra e Irlanda). A WestJet tem cerca de 12 mil empregados.

Fonte: RR