Votos do utilizador: 4 / 5

Estrela ativaEstrela ativaEstrela ativaEstrela ativaEstrela inativa
 
Amizades no trabalhoBoas relações no trabalho são uma parte fundamental na vida profissional. O trabalho em equipa está na ordem do dia e as estruturas organizacionais giram cada vez mais em torno do valor do “todo” em detrimento do desempenho individual. Por outro lado, quando somos crianças fazemos amigos em todo o lado: nas férias, na escola, no bairro... as amizades nascem espontaneamente a todo o momento e em qualquer lugar.

Com a idade, as coisas tornam-se um pouco mais complicadas e mesmo os mais extrovertidos têm alguma dificuldade em criar novos amigos. Juntando o útil ao agradável, sem dúvida que o local de trabalho é um potencial ponto de partida para novos contactos e relações pessoais. Nem sempre é fácil mas, quando bem conduzido, poderá dar origem a resultados surpreendentes. Verá que muitas amizades para a vida começam entre secretárias, reuniões e computadores.
Não entre em intrigas nem na má-língua de corredor. Se for um habitué dos “mexericos” do escritório não espere facilidades na aproximação aos seus colegas para criar amizades pois o mais natural é tratarem-no com alguma hostilidade.

Queira amigos, não seguidores ou fotocópias de si próprio. Naturalmente que devemos ter coisas em comum com as pessoas com quem nos damos, mas sem tirar a individualidade e diferenças de cada um.

Terá muito mais a aprender e a ganhar com quem é diferente de nós.
Não espere resultados imediatos. Uma boa amizade não se faz da noite para o dia, vai-se construindo aos poucos, por pequenos passos. Saiba deixar a aproximação fazer-se gradualmente, e dê tempo ao tempo para criar laços de confiança.
Esteja receptivo a propostas para almoço, beber um café ou mesmo uma ida ao cinema depois do trabalho. Poderá aproveitar para conhecer um pouco melhor, e fora do ambiente habitual, aqueles com que está todos os dias.
Não perca os eventos sociais da empresa: festas de natal, almoços, aniversários ou mesmo conferências e eventos de team building são uma oportunidade fantástica para aproximar as pessoas.

Aproveite para se aproximar daquelas pessoas que estão geralmente mais isoladas e não se misturam muito com o resto da equipa. Sejam colaboradores recentes ou com um tipo de funções mais autónomas, estas estarão naturalmente mais receptivas a novos contactos.
Mantenha o formalismo. Apesar das relações de proximidade entre colegas poder crescer nunca deixe de “separar as águas” e, dentro do trabalho, manter o profissionalismo habitual.
Não personalize nem abuse da confiança. “Amigos amigos, negócios à parte”. Saiba separar a parte pessoal das questões profissionais.
Seja cooperante e não competitivo. Não espere aceitação dos seus pares se está constantemente em disputa directa pelo melhor desempenho. Saiba trabalhar em equipa e dar o seu melhor pelo grupo sem necessidade de permanente relevo individual.
Não deixe questões por resolver. Ainda que pequenos, desentendimentos mal resolvidos podem ser fatais para o desenvolvimento duma amizade. Saiba resolver os conflitos com diplomacia eliminando os riscos de criar uma “guerra fria” no local de trabalho.
Seja compreensivo. A regra base de qualquer relação interpessoal é a compreensão mútua. Saber ouvir, interessar-se e, acima de tudo, saber colocar-se no lugar dos outros, sempre que necessário.
Dê o seu melhor. Muitas vezes queixamo-nos da falta de receptividade dos outros sem olharmos primeiro para nós próprios e sem analisar o que poderíamos fazer melhor.
Seja simpático, cooperante e agradável com todos os que o rodeiam. Verá que rapidamente ganhará o respeito e a amizade que ambiciona por parte dos seus colegas mais próximos.
Comunique, interaja. Seja uma troca de impressões por questões de trabalho, um “bom dia” no corredor ou a conversa banal que acompanha.