Votos do utilizador: 5 / 5

Estrela ativaEstrela ativaEstrela ativaEstrela ativaEstrela ativa
 

Desemprego - Articulação/VelhiceARTICULAÇÃO COM A PENSÃO DE VELHICE
Nas situações de desemprego de longa duração e após esgotado o período de concessão do Subsídio de Desemprego ou do Subsídio Social de Desemprego (inicial), a idade de acesso à Pensão de Velhice pode ser antecipada para os:

1) 57 anos se, à data do desemprego, o beneficiário tiver:
- 22 anos civis com registo de remunerações e
- Idade igual ou superior a 52 anos.

Neste caso, ao cálculo da pensão de velhice é aplicada uma taxa de redução, por referência ao período de antecipação, até aos 62 anos de idade.

2) 62 anos se o beneficiário tiver:
- O prazo de garantia exigido para a pensão e
- Idade igual ou superior a 57 anos, à data do desemprego.

Os beneficiários nestas condições, podem optar pelo regime referido em 1), desde que, à data do desemprego tenham, pelo menos, 22 anos com registo de remunerações.

Nas situações em que o desemprego decorra de cessação do contrato de trabalho por acordo, ao montante da pensão de velhice é aplicada uma redução adicional que será anulada quando o beneficiário (pensionista) atingir 65 anos de idade.

PROLONGAMENTO DO SUBSÍDIO SOCIAL DE DESEMPREGO
O Subsídio Social de Desemprego pode ser prolongado até à idade de acesso à Pensão de Velhice antecipada, se o beneficiário, à data do:
- Desemprego, tiver idade igual ou superior a 52 anos;
- Prolongamento preencher as condições de atribuição do Subsídio Social de Desemprego.

ATENÇÃO
Para os beneficiários que, na data de entrada em vigor do novo regime, tenham requerido ou estejam a receber prestações de desemprego, mantêm-se em vigor as regras de antecipação da idade de acesso à pensão de velhice estabelecidas em legislação anterior.

Fonte: http://www1.seg-social.pt