Votos do utilizador: 0 / 5

Estrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativa

Tecnologia contactless vai estar em três milhões de cartões bancários no final de 2014. Projecto- piloto paraCredit Card 1 pagamento com telemóveis arranca este ano.

No final de 2014 deverá haver em Portugal entre três a quatro milhões de cartões bancários com tecnologia contactless, que permite pagar até 20 euros através da simples aproximação do cartão ao terminal, sem ser preciso carregar na tecla verde, digitar o código e, de novo, no verde. Acima desse montante já será preciso digitar o PIN.

Actualmente, há mais de dois milhões de cartões deste género em circulação e de acordo com Sérgio Botelho, director-geral da Visa em Portugal, a disseminação da tecnologia é uma das prioridades da empresa para 2014. Todos os novos cartões emitidos pelos bancos vão ter o sistema contactless e a expectativa é que, nos próximos três anos, esteja totalmente generalizado.

Votos do utilizador: 0 / 5

Estrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativa

Consumidores poupam até 35€/ano desligando serviço triplo de telecomen colere-09

Os consumidores podem poupar até 35 euros por ano na conta de eletricidade se desligarem da tomada os aparelhos do serviço triplo de telecomunicações, divulga a associação para a defesa dos consumidores (Deco) na próxima edição da Proteste.

A Deco procurou saber qual o consumo dos aparelhos necessários para utilizar o serviço triplo de telecomunicações (Internet+televisão+telefone fixo) quando estes não estão a ser usados.

Para o efeito, visitou a casa de 10 consumidores das várias operadoras e mediu o consumo de diferentes equipamentos: boxes com e sem gravação, emissor wireless, modem, router, telefone fixo, televisão e computador portátil, entre outros.

Votos do utilizador: 0 / 5

Estrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativa

Segundo o comunicado do Ministério da Economia, dos 6.000 pedidos tratados apenas cerca de 500 se au travail-26apurou terem direito à restituição de cauções

Os consumidores vão ter até final de 2015 para pedir a restituição das cauções pagas pelos contratos de água, eletricidade e gás e as empresas de fornecimento serão obrigadas a informar os clientes do direito ao reembolso.

De acordo com um comunicado do Ministério da Economia e da Direção-Geral do Consumidor (DGC), que tem a seu cargo a análise dos pedidos de reembolso enviados pelos consumidores, este organismo tem atualmente a seu cargo a avaliação de vários «milhares de pedidos», sendo que até agora apenas uma pequena parte dos pedidos analisados teve resposta positiva.

Votos do utilizador: 0 / 5

Estrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativa

Livemocha, Memrise e Deutsche Welle são três exemplos de sites dedicados às línguasHome From College

Nunca aprender uma língua foi tão necessário...e tão fácil. Para além dos inúmeros institutos de línguas que existem espalhados pelo país, existem vários sites que permitem aprender idiomas (ou aperfeiçoá-los) de forma gratuita e confortável. Mais valias para o emprego e para o aperfeiçoamento profissional.

O Livemocha é um site que disponibiliza cursos de vários graus de dificuldade. O site combina cursos gratuitos e pagos e tem ainda pequenos laivos de rede social. Podem apresender-se variados itens da língua em questão e pode trocar-se ideias com pessoas que estejam exactamente na mesma situação, e praticar o idioma que se está a aprender. Nesta plataforma os alunos podem ajudar-se mutuamente, corrigir exercícios, ajudar e pedir ajuda.

Votos do utilizador: 0 / 5

Estrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativa

O NIB vai ser substituído por um identificador internacional de conta (IBAN) em todas as transferênciasBullish2 bancárias efetuadas a partir de fevereiro de 2016, ficando os bancos impedidos de cobrar encargos pela conversão, segundo um diploma hoje publicado.

O objetivo é que uma transferência a crédito e débito entre dois bancos nacionais ou de Portugal para Espanha ou para outro Estado membro tenha critérios uniformes, uma alteração vista com bons olhos pela associação para a defesa do consumidor DECO.

"É vantajoso pela simplificação", disse à Lusa Carla Varela da DECO, enaltecendo ainda que esta conversão não implica qualquer acréscimo de custos para os consumidores.