Votos do utilizador: 5 / 5

Estrela ativaEstrela ativaEstrela ativaEstrela ativaEstrela ativa

Dinheiro, máquinas de café, telemóveis ou GPS. Os bancos estão a seduzir os clientes com ofertas, num contexto de crescente concorrência. Mas é preciso fazer bem as contas. É que o brinde pode acabar por sair mais caro no final.p_persos-16

E se fosse fazer um crédito ao banco e saísse de lá com mais 200 euros por mês na conta à ordem, todos os meses, durante um ano? É o que propõe o BBVA a quem for fazer um empréstimo à habitação. O banco espanhol não está sozinho. Várias instituições oferecem dinheiro e produtos em troca de créditos e depósitos. Mas será boa ideia deixar-se seduzir pelo brinde? Antes de perceber se vale a pena é preciso garantir que tem direito às promoções. A do BBVA, por exemplo, só se aplica a empréstimos a partir de 120 mil euros. Os "spreads" começam nos 0,4%, um nível muito abaixo do mínimo praticado na maioria dos bancos. A dificuldade poderá ser a de ter acesso à margem mais reduzida. É preciso contratar os seguros na BBVA Seguros, domiciliar o ordenado e pagamentos domésticos, ter cartão de crédito e subscrever um plano de pensões. O empréstimo não pode ser superior a metade da avaliação da casa, o que obriga a dispor de um bom pé de meia.

Votos do utilizador: 5 / 5

Estrela ativaEstrela ativaEstrela ativaEstrela ativaEstrela ativa

Receber do banco o aval a um crédito à habitação é cada vez mais difícil. Por isso, os especialistas apontam os erros que se devem evitar.famille-15

Identificados pela Igreja Católica, os sete pecados capitais ganharam popularidade a partir do século XIV. Merecedores de condenação para os mais obstinados, os sete pecados são hoje mundialmente conhecidos como vícios que carecem de controlo. Directamente opostos às sete virtudes, integram a lista dos sete pecados: a vaidade, inveja, ira, preguiça, ganância, gula e luxúria.

Votos do utilizador: 5 / 5

Estrela ativaEstrela ativaEstrela ativaEstrela ativaEstrela ativa

Com os preços a baixar, esta pode ser uma boa altura para comprar habitação. Saiba os passos a seguir no processo.famille-15

As dificuldades económicas têm sido um entrave real e psicológico para quem quer comprar casa. Mas, garantem os agentes imobiliários contactados pelo Diário Económico, esta é uma boa altura para o fazer, apesar das limitações de crédito e dos aumentos de impostos, que reduzem o rendimento das famílias. De acordo com os especialistas do sector, a pressão para vender a casa rapidamente está a levar muitos proprietários a baixar os preços, o que os leva a confirmar que esta será a melhor altura para encontrar bons imóveis a valores mais reduzidos.

Votos do utilizador: 4 / 5

Estrela ativaEstrela ativaEstrela ativaEstrela ativaEstrela inativa

hommes-28Descrição
O registo predial destina-se a prestar informações sobre a situação jurídica dos prédios, nomeadamente quem é o proprietário ou se está hipotecado.

O pedido de certidão de registo predial destina-se a possibilitar o acesso à informação constante do arquivo das Conservatórias do Registo Predial, respeitante à situação jurídica dos prédios (composição, titularidades e encargos que sobre eles incidem).
Podem ser pedidas certidões de registo predial - prédio descrito e não descrito.

A certidão de registo predial - prédio descrito possibilita a obtenção de informação respeitante aos factos registados nas Conservatórias relativos a imóveis descritos, ou seja, imóveis que se encontram já registados.

Votos do utilizador: 5 / 5

Estrela ativaEstrela ativaEstrela ativaEstrela ativaEstrela ativa

hommes-24Descrição
O Pedido de Isenção do Imposto Municipal sobre Imóveis (IMI), uma vez requerido ou reconhecido, pretende conceder ao beneficiário, que preencha as condições legalmente exigidas, um desagravamento fiscal ou um benefício fiscal, que se traduz na ausência de pagamento do Imposto Municipal sobre Imóveis (IMI) durante um certo período de tempo, de forma automática ou condicionada.

A espécie da isenção em sede de Imposto Municipal sobre Imóveis (IMI) diz-se:

Pessoal, se relacionada  com a natureza subjectiva das entidades beneficiárias;
Real, se relacionada com o tipo de bem ou imóvel (prédios ou partes de prédios para habitação própria e permanente do sujeito passivo ou agregado ou arrendados em regime de renda condicionada, por exemplo).