Votos do utilizador: 5 / 5

Estrela ativaEstrela ativaEstrela ativaEstrela ativaEstrela ativa
 

Optar pelos leilões para comprar casa pode ser um negócio muito rentável. Contudo, existem alguns cuidadosOffice_Building_4 que não devem ser ignorados em todo esse processo. Aqui ficam alguns alertas.

1. Escolha a casa antes do leilão:
O primeiro passo a dar antes de ir a um leilão é definir em que tipo de imóveis está interessado. Nomeadamente, a tipologia, o ano de construção, a zona geográfica e, claro, a base de licitação e o preço que está disposto a pagar. Informe-se também do valor patrimonial da casa. É necessário ter em conta que esse valor normalmente é inferior ao preço de mercado.


2. Visite o imóvel:
Apesar dos sites das leiloeiras disponibilizarem dados sobre as características dos imóveis, nada como os visitar. É nesta ocasião que conseguirá avaliar melhor aspectos como áreas, estado de conservação, necessidade de obras, vizinhança, o comércio existente, escolas ou a existência de uma boa rede de transportes. Deve também procurar saber os preços dos imóveis que estão em venda no mercado imobiliário na zona.

3. Garanta financiamento:
Caso para a compra do imóvel necessite de recorrer ao crédito, antes do leilão contacte com os bancos para saber se reúne condições para ter acesso ao financiamento. Além do valor da compra tenha em conta as despesas processuais e o custo de eventuais obras.

4. Licite e arremate:
As leiloeiras privadas realizam quer leilões presenciais como ‘online'. Em qualquer das situações, antes do evento o interessado deverá entregar dados pessoais como o bilhete de identidade, o cartão de contribuinte, depositar uma caução que varia consoante a leiloeira e assinar uma declaração de aceitação (no caso dos leilões ‘online' a entrega destes dados pode ser feita por e-mail). No caso dos leilões das Finanças, a aquisição dos imóveis pode ser feita ‘online' através da apresentação de uma proposta em carta fechada após o contribuinte se ter registado no site das Finanças.

5. Custos de incumprimento:
Garanta que caso arremate um imóvel terá condições para cumprir com os compromissos associados, nomeadamente em termos de financiamento. Isto porque, caso arremate a casa e depois desista da compra, irá perder o valor da caução bem como do sinal (o comprador é obrigado a fazer um contrato de promessa de compra e venda após o leilão). Um valor que é considerável. Por exemplo, no próximo leilão da Euro Estates o valor da caução são 2.000 euros, enquanto que na Luso-Roux a caução aplicada são 1.750 euros. Já no contrato de promessa de compra e venda é exigido o pagamento de um sinal que varia consoante a leiloeira e o valor do imóvel, mas que no mínimo será de 1.750 euros. Quando ocorrer uma desistência, normalmente o imóvel é adjudicado ao comprador com a segunda melhor oferta.

Fonte: Económico